Prefeitura Municipal de Salvador
0
0
0
s2sdefault

Os condutores que passarem pela Avenida Octávio Mangabeira, na altura da Pituba, deverão ficar atentos. Começa a funcionar na quinta-feira (28) a lombada eletrônica no trecho entre a Wilson Lins e a Nossa Senhora da Luz. A implantação do redutor eletrônico de velocidade foi necessária em função da integração entre as praças, garantindo, dessa forma, a segurança de pedestres no momento da travessia. 

 
Com o funcionamento, a velocidade máxima permitida no trecho será de 40km/h. Para alertar os condutores e garantirem que tenham tempo hábil para redução da velocidade, a Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) instalou placas a cerca de 500 metros da lombada. Primeiramente, informando a velocidade de 50 km/h e, mais próximo do equipamento, a cerca de 300 metros, placas de 40km/h. Fora desse trecho, a velocidade máxima permitida em grande extensão da Octávio Mangabeira é de 70km/h. 
 
“Toda a sinalização naquele ponto da via foi feita dentro dos limites legais estabelecidos pelo CTB, o Código de Trânsito Brasileiro. Dessa forma, o condutor poderá fazer a redução gradual da velocidade com segurança”, afirma Fabrizzio Müller, superintendente da Transalvador. 
 
Com isso, Salvador passa a contar com seis lombadas eletrônicas. Para passar pelo equipamento o condutor tem de, necessariamente, reduzir a velocidade. Há displays informando a velocidade do veículo que passa por cada faixa. Se o carro estiver abaixo da permitida, o número aparecerá em verde. Caso o condutor condiga ultrapassar a velocidade máxima determinada, o letreiro informa na cor vermelha e o condutor será notificado. 
 
Como acontece com todos os equipamentos eletrônicos da Transalvador, a lombada eletrônica da Pituba passou por aferição pelo Instituto Baiano de Metrologia e Qualidade (Ibametro), que é uma autarquia estadual.
0
0
0
s2sdefault